Sempre o Natal

pexels photo 65451david lopez


Mariana, em criança sempre quis ter uma Barbie, mas nunca teve!

Sempre que se aproximava o Natal, pensava que chegaria o momento…

A sua triste miserável realidade, sempre a deixava em baixo, chorosa.

Lida do campo, irmãos para cuidar- sempre a fez ser mulher!

E foi assim… Mariana cresceu, sempre com a boneca no pensamento.

E hoje, sempre que recorda a Barbie dos seus sonhos, suspira.

E sempre que espreita o Natal, doa muitas às meninas pobres.


Histórias em 77 palavras. DESAFIO Rádio Sim nº11. Foto: David López

Assinatura-Andrea-Ramos

Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução por quaisquer meios, salvo em breves citações com indicação da fonte, sem prévia autorização da Autora.

Partilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados

Desafios de escrita, segredo arrecadado

Segredo arrecadado

Escutei no outro dia aquela história interessante, que qualquer um de nós gostaria de ouvir. Uma situação hilariante da qual não fiz parte, nem em sonhos, nem por arte, nem o ansiei ser. Nunca o

Leia mais »
natal

Natal (embrulhado)

Este é um poema de NatalEmbrulhado de maneira talQue em jeito de exclamaçãoVos trago um amor seguro no peitoComo oferenda ao vosso coração Natal que é nascimentoIgnorado, esquecido por vezesBrilham luzes cintilantes no adventoMas apagadas

Leia mais »
natal

Natal

Este é um poema de NatalEmbrulhado de maneira talQue em jeito de exclamaçãoVos trago um amor seguro no peitoComo oferenda ao vosso coração Natal que é nascimentoIgnorado, esquecido por vezesBrilham luzes cintilantes no adventoMas apagadas

Leia mais »

Artigos Recentes

Redes Sociais

Scroll to Top